Data : 20/10/2014

Dados sujeitos a alteração sem aviso prévio.

O conteúdo deste material on-line não expressa, necessariamente, a nossa opinião.

Reportar erro

Padre Márcio partirá em missão no Amazonas

Padre Márcio Roberto Pereira Campos, mineiro de Carmo de Minas e sacerdote há 15 anos, partirá para missão em novembro.

pe

Sua caminhada vocacional na diocese iniciou quando entrou para o seminário em 1991. Foi seminarista em várias paróquias e ao se ordenar trabalhou como vigário paroquial da Paróquia Espírito Santo, pároco da Paróquia São João Bosco, reitor do Seminário de Teologia, vigário nas paróquias de Nossa Senhora de Fátima, do Altos de Santana, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e Paróquia Nossa Senhora do Bonsucesso. Foi ecônomo da Diocese por 6 anos e por 11 anos diretor espiritual do FREM (Formação Religiosa e Entrosamento Mariano), movimento de espiritualidade para casais. Atualmente é administrador paroquial da Paróquia Santa Luzia.

A missão que iniciará faz parte do Projeto Missionário da CNBB Sul 1 – Norte 1, um projeto que ajuda a Igreja a cumprir com o mandato de Cristo que é evangelizar. Então esse projeto ajuda a formar os missionários para desempenhar seu papel na Igreja.

Padre Márcio vai para a Paróquia da Imaculada Conceição que fica na cidade de Anori e pertence a Diocese de Coari, substituindo o padre França que completou o tempo de três anos e está retornando a nossa Diocese. A cidade de Anori para onde será enviado o Padre Márcio tem 14 mil habitantes, fica no Estado do Amazonas. O principal meio de transporte do lugar é o barco. Perto da cidade, passa o Rio Solimões cujas margens de um lado a outro tem 2 quilômetros de distância. A diocese conta com uma população aproximada de 200 mil habitantes, com 85% de católicos. O território da diocese é de 135 mil quilômetros quadrados, organizado em 10 paróquias. Fica a 160 km de distância da capital Manaus.

A missa de envio de Padre Márcio está marcada para o dia 30 de outubro, quinta-feira, às 19h30, na Catedral São Dimas. Ele vai para Anori no dia 11 de novembro.

Padre Márcio deixa um recado: “Eu agradeço muito a Deus pelo envio, pela missão a mim confiado, agradeço a Diocese em especial ao Dom Cesar pela confiança em mim, na minha missão e vocação, agradeço também a todo o clero e conto com o apoio, orações de todo o povo de nossa diocese, todos os amigos, todos os conhecidos”.

Fonte: http://www.diocese-sjc.org.br/