Data : 14/05/2014

Dados sujeitos a alteração sem aviso prévio.

O conteúdo deste material on-line não expressa, necessariamente, a nossa opinião.

Reportar erro

Papa levará rabino e muçulmano em viagem à Terra Santa

Os religiosos são amigos de Francisco e, juntos, deram início, em Buenos Aires, Argentina, ao Instituto para o Diálogo

Da Redação, com Agências

Papa levará rabino e muçulmano em viagem à Terra Santa

Pela primeira vez na história, farão parte de uma viagem papal um rabino e um religioso muçulmano. O Papa Francisco levará à Terra Santa, na delegação oficial do Vaticano, o reitor do seminário rabínico da Argentina, Abraham Skorka e o ex-secretário geral do Centro Islâmico argentino, Omar Abboud.

A informação foi confirmada, no último fim de semanam pelo porta-voz do Vaticano, Padre Federico Lombardi. Os dois religiosos foram convidados por Francisco para acompanhá-lo na Visita Apostólica que fará à Terra Santa nos dias 24 a 26 deste mês.

Os religiosos são amigos de Francisco há muitos anos e, juntos, deram início, em Buenos Aires, Argentina, ao Instituto para o Diálogo. Neste local, os diversos encontros entre o então Cardeal Bergoglio, o rabino e o religioso muçulmano deram origem a artigos que se tornaram conhecidos em toda a América Latina.

Um dos principais objetivos da visita de Francisco à Terra Santa é o encontro, na Basílica do Santo Sepulcro, com todas as confissões religiosas presentes na região, para recordar os 50 anos do histórico abraço de Paulo VI e Atenágoras. O ato assinalou o início de um diálogo entre a Igreja Católica e o Patriarcado Ortodoxo após séculos de separação.